8 de fevereiro de 2009

Links Links Links

Para ler na íntegra, clique no título na notícia:


Maioria dos jovens não sabe proteger o meio ambiente
Seis em cada dez jovens brasileiros não sabem o que significa ou nunca ouviram falar na palavra sustentabilidade. Ainda assim, a maior parte deles acredita que se preocupa mais com o meio ambiente do que a população em geral, as empresas e o governo. Essa preocupação, porém, nem sempre se reflete em ações concretas. Os dados fazem parte do Dossiê Universo Jovem, produzido pela MTV Brasil. A pesquisa também identifica diferentes perfis quanto à maneira de o jovem encarar o seu papel diante da urgência da preservação.


Amazônia Azul...uma ova!
De Frederico Brandini
Quem se lembra de algum capítulo de livro ou apostila de Geografia do ensino médio que desse mais detalhes sobre as características costeiras e do mar territorial? Como se formam os estuários, as lagoas costeiras ou as praias? Qual o mecanismo que provoca as marés ou as ressacas? Como se formam as ondas? Como é e qual a importância da biodiversidade marinha?

Fonte: O eco

O Sistema de Alerta de Enchentes operado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), da Secretaria do Ambiente, vai ser expandido. Hoje, esse é considerado o instrumento disponível mais eficaz de comunicação às autoridades - prefeituras e defesas civis – e à população da ocorrência de cheias no estado.

Fonte: JB Estado


Agroecologia atrai produtores franceses a Casimiro de Abreu
No próximo sábado,  o município receberá um grupo de 30 produtores franceses que vão visitar e conhecer as experiências agroecológicas desenvolvidas pela cidade, através do incentivo da Secretaria de Agricultura e Pesca. 

Fonte: JB Estado

Especialista diz que mudança da Usina de Jirau pode causar impactos irreversíveis ao meio ambiente
A mudança do local da construção da Usina Hidrelétrica de Jirau no Rio Madeira pode causar danos irreversíveis para a biodiversidade da área. Segundo o professor de Planejamento de Sistemas Energéticos da Universidade Federal de Rondônia (Unir), Arthur Moretti, não foram realizados estudos prévios sobre os riscos para o ambiente do novo local.

Fonte: Agência Brasil

Greenpeace critica previsão do governo de aumento do uso de termelétricas no país
A intenção do governo de diminuir a participação das hidrelétricas na matriz energética brasileira e aumentar a quantidade de energia gerada por termelétricas, prevista no Plano Decenal 2008/2017, apresentado hoje (5), não agradou a organização não-governamental Greenpeace, defensora do meio ambiente
Fonte: Agência Brasil

Greenpeace lança documento que propõe uso de energias renováveis
O Greenpeace lançou na tarde de hoje (6) um documento que propõe a utilização de energias renováveis no país, especialmente nos parques industriais. O texto foi anunciado durante o seminário realizado pela ONG em parceria com o Fórum Cearense de Mudanças Climáticas e Biodiversidade. O evento ocorreu na embarcação do Greenpeace, a Artic Sunrise, que chegou ao Porto de Mucuripe, em Fortaleza (CE), no final da tarde de ontem (5).

Fonte: Agência Brasil

1 comentários:

milton toshiba disse...

Hoje no Globo Rural, passou a reprise de como os nova yorquinos protegem seus mananciais. Fazendeiros próximos à cidade, recebem subsídios da prefeitura, e preservam seua mananciais, cuja água vai para cidade e apenas esterelizada e filtrada.
Muito bacana

bj

Postar um comentário