11 de agosto de 2009

Notícias da Reunião de ontem sobre Poluição no Rio Paraíba

Caso Rio Paraíba do SUL: MEP pedirá orientações ao MPF

Em encontro realizado, ontem, dia 10, na sede do MEP, em Volta Redonda, com a presença de 16 pessoas, entre conselheiros do Movimento e convidados, os presentes debateram exaustivamente duas questões – Rio Paraíba do Sul e as Obras do PAC em Volta Redonda. O Prof. Luiz Henrique de Castro, coordenador geral do MEP foi enfático – "há necessidade de se tomar atitudes para se frear as agressões ao Rio Paraíba, e a nossa cidadania”, falou se reportando também ao caso do endosulfan. Após ampla discussão os presentes definiram:

Caso Rio Paraíba – Uma Comissão do MEP, irá na quinta feira, dia 13, ás 15h no Ministério Público Federal, na Vila, entregar um pequeno Dossiê com o histórico recente das últimas agressões ao Rio Paraíba do Sul, bem como solicitar ações enérgicas juntos aos agentes industriais poluidores para que não se limitem a apenas ao pagamento de multas diante dos desastres ambientais provocados por eles. Zezinho, secretário do MEP, questionou – qual a garantia de que produtos tão nocivos à vida, como endossulfam e o Benzo(A)Pireno já não estejam agindo, comprometendo a saúde de gerações futura?

Obras do PAC em VR – Dada a importância das obras no tocante as questões ambientais, e também pelo fato de ter sido reduzida em 50% das atividades previstas, uma outra Equipe do MEP visitará as obras dos bairros São Luiz e São Sebastião , na quinta, dia 18, ás 14h. O grupo será assessorado por técnicos ligados ao MEP. Segundo Marcio Cesar da Silva, o Coordenador Ambiental do MEP- a idéia é fazer um levantamento detalhado da situação do PAC em Volta Redonda.

O MEP vai participar do Encontro a situação do Rio Paraíba, programado para o dia 25/08, na Cúria Diocesana, em Volta Redonda.

Secretaria do MEP
mepvoltaredonda@yahoo.com.br
24 9261 3921

3 comentários:

Profº walmir t. marins disse...

A população de Volta Redonda vê passivamente as agressões ao Rio Paraíba, por que não tem a mínima ídeia da importância do Rio em suas vidas.
Cadê as estações de tratamento de esgoto, anunciadas na época das eleições???????????????

Gustavo disse...

Olá, gostaria de acompanhar a avaliação e o monitoramento das obras do PAC na bacia do Rio Paraíba do Sul.

Parabenizo o blog pelas informações.

Abraços, Gustavo.

gbcg disse...

Olá, gostaria de acompanhar a avaliação e o monitoramento das obras do PAC na Bacia Hidrográfica do Rio Paraíba do Sul.

Além de Volta Redonda, quais outras cidades estão no PAC?

Outro dia, vi na televisão uma matéria mostrando o lançamento de esgoto pela SABESP num afluente do Paraíba do Sul.

E a SABESP?

Força e cooperação para todas/os.

Abraço, Gustavo.

Postar um comentário